Protect the Boss

em

Muitas risadas com Protect the Boss!

(nota: texto escrito originalmente em 2013, para o site K-Pop Samba Style. Tem spoilers? Tem sim, mas não como o drama termina, haha.)

Protect the Boss conta a história de No Eun Seol (interpretada por Choi Kang Hee), uma moça que só quer conseguir arrumar um bom emprego e enquanto isso não acontece, passa por alguns bicos ou é aceita em lugares onde o chefe tem caráter duvidoso. O passado dela também não é dos mais exemplares, nos tempos da escola ela era daquelas brigonas de gangue e tinha sua companheira inseparável nas brigas, que continua sua amiga até os dias atuais e que acompanha toda a sua luta em conseguir um bom trabalho. Além de seu currículo acadêmico estar bem longe dos invejáveis…

Na Yoon (Wang JiHye), Cha JiHeon (JiSung), No Eun Seol (Choi Kang Hee) e Cha Muwon (Kim JaeJoong).

Do lado mais abastado da história, temos Cha JiHeon (Ji Sung), filho do presidente das empresas DN Group, o qual vive envolvido em escândalos na mídia e está sempre tentando disfarçar as falcatruas aparecendo como um pobre senhor na cadeira de rodas. JiHeon é um dos diretores da empresa, mas não passa de um rapaz mimado e cheio de manias e sequer faz o seu trabalho direito na companhia, recebendo gritos e tapas do pai. Enquanto isso, seu primo Cha Muwon (Kim JaeJoong), também um dos diretores da empresa, exerce seu cargo de modo exemplar. E por esta diferença de comportamento, claro que os primos JiHeon e Muwon não se dão muito bem e nem perdem a chance de um esbarrão mais agressivo pelos corredores da companhia.

Então, um belo dia, No Eun Seol vai a uma entrevista na DN Group e está lá sentadinha junto com as outras candidatas de frente para os executivos e esperando a sua vez de responder às perguntas dos possíveis futuros chefes. Porém, em nenhum momento foi direcionada pergunta alguma a ela, apenas ouvia as respostas das concorrentes e, indignada com isso, levantou-se e perguntou por que não perguntavam nada a ela e era óbvio que era por causa do seu currículo menos atrativo. Eun Seol soltou o verbo com os engravatados e enquanto falava, um deles olhava seu currículo com bastante curiosidade e parecia se divertir com a situação. Era Cha Muwon.

De fato, ela foi contratada pela companhia e recebida por Muwon, mas na verdade o chefe dela será o JiHeon. Feliz da vida com o novo emprego e por parecer que finalmente está em um lugar decente. O que Eun Seol ainda não sabe, é do trabalhão que o seu novo chefe vai dar e que não havia sido a primeira vez em que ela e JiHeon se encontraram. Eun Seol havia arrumado uma baita de uma confusão em seu último emprego por não aceitar os abusos do chefe e JiHeon apareceu no lugar errado na hora errada, tomando uma bela de uma surra que deveria ser direcionada à moça e a lembrança mais viva que ele tinha na mente era do penteado dela, o qual passou a chamar de “cabeça de cocô”!

Eun Seol e as outras secretárias da DN Group

Mas depois de muita relutância, JiHeon finalmente aceita sua nova secretária apesar de estar desconfiado até à morte de que aquilo deveria ser algum “truque sujo” do Muwon. E a partir daí, No Eun Seol tem que aprender a lidar com seu chefe que logo no primeiro dia lhe dá uma lista quase infinita de recomendações, como por exemplo o lado em que a persiana tinha que estar virada para pegar ou não sol, a temperatura exata que tem que estar a bebida dele quando for comprar,  não retrucá-lo em nada, não fazê-lo repetir o que havia acabado de dizer, atender o celular imediatamente a qualquer hora, dentre muitas coisas, o que já faz entender perfeitamente o porquê de nenhuma secretária parar naquele posto. É no mínimo, insuportável.

Cha JiHeon
JiHeon e Muwon soltando faísca!

E assim vai seguindo a história, com a batalha diária de No Eun Seol aturando as esquisitices do seu chefe JiHeon e do pai dele, querendo que o filho tome jeito nem que seja na base na pancada! E aí a gente tem alguns dos momentos mais hilários de todo o drama: o elevador! Toda vez que JiHeon e o pai estão no elevador ocorre a pancadaria e o secretário do presidente sempre toma o cuidado de tapar as câmeras, até que a porta do próximo andar se abra e tudo volte ao normal, para quando fechar novamente, o presidente Cha volte a dar umas cacetadas seu filho. Sério… é para a barriga doer de tanto rir com essas sequências!! Não dá para comentar de Protect the Boss sem falar das cenas no elevador! E também da trilha sonora característica! Aliás, mudando um pouco de assunto, aí está outro ponto importantíssimo: a OST!  É muito boa, nossa. Principalmente a das situações cômicas. A música começa a tocar e o sorriso já começa a se formar no rosto esperando a gargalhada, porque fatalmente vem depois! Claro, não vou deixar de citar a participação do JaeJoong na trilha sonora com letra e interpretação de I´ll Protect You (mais coraçõezinhos aqui!). Recomendadíssima também é a Let Us Just Love, do grupo A-Pink, super gostosinha de ouvir e faz você entrar no clima de festa e passeio na mesma hora.

O que acontece no elevador!

Voltando ao drama, o presidente Cha na verdade deseja que o seu filho possa conduzir a presidência da companhia futuramente, mas é impossível quando JiHeon sequer consegue apresentar um trabalho completo em público, o que todos pensam ser por total desleixo e valendo-se disso, a mãe de Muwon se esforça ao máximo para que o título de futuro presidente da DN Group possa pertencer ao seu filho, que executa impecavelmente a sua função e também não perde a oportunidade de rir de JiHeon. O conflito no que diz respeito à companhia, na verdade tá mais em cima do que embaixo e acaba envolvendo também a mãe de Seo Na Yoon (Wang Ji Hye). Na Yoon volta do exterior e não sabe se é apaixonada por JiHeon ou Muwon… Na verdade foi uma espécie de ex do JiHeon. Em todo o caso, ela tenta com os dois, mas acaba aproximando-se mais de Muwon. Ela tá de olho nos Cha-Cha, isso é fato! Mas é uma garota legal e vai te fazer rir bastante também.

NaYoon azucrinando MuWon no noraebang…
JiHeon, NaYoon e MuWon

Impossível não se encantar pelos personagens. No Eun Seol, Cha JiHeon, Cha Muwon (que acaba ganhando o apelido de “Mununim”, algo como o “deus Muwon”) e Seo Na Yoon (a “ice cream girl”) te cativam sem nem perceber. Mesmo os personagens mais secundários, como por exemplo, a matriarca dos Cha, também dão um verdadeiro show de carisma. No Eun Seol já te conquista logo de cara por estar completamente longe daquele padrão de mocinhas sofredoras, românticas e bem comportadinhas, até porque ela nem é tão mocinha assim. A sua missão vai ser deixar JiHeon apto para a presidência da empresa e a maneira que ela faz isso vai apenas não te fazer rir, mas emocionar também. Mais do que isso não posso contar, né! JiHeon começa o drama enchendo a paciência com seu monte de manias (mania de limpeza inclusa), comportamento infantil, brigas com o primo, mas não vai demorar muito para te deixar completamente apaixonada por ele e ganhar a sua incondicional torcida no decorrer da história.  Muwon, o grande prodígio filhinho-querido-da-mamãe e que tem tudo para ser o novo presidente, pouco a pouco vai se desfazendo dessa capa de perfeição e claro, vai ficar ainda mais encantador. Na Yoon, que tem tudo para ser mais uma rica mimada no meio da trama, também já te conquistou em um piscar de olhos. As sequências cômicas protagonizadas pelo quarteto (-fantástico! Só para não perder a piada) são super dignas e no final das contas a pobre Eun Seol ainda acaba virando a babá dos outros três.

Tem romances? Mas é claro! Previsível sim, mas o modo que transcorre, não é. Acaba formando-se um triângulo amoroso entre Eun Seol, JiHeon e Muwon, que com a chegada de Na Yoon, de certa forma evolui para um quadrado. Aí é que toda a perfeição de Muwon vai começando a ruir e seremos brindados mais uma vez com o clássico e divertido espancamento no elevador, com o presidente Cha chutando as bundas não só do filho, mas do sobrinho também! Ahh, também a excelente sequência de acontecimentos no Lotte World, que é de onde vai sair o apelido de “Garota Ice Cream” da Na Yoon. Outro ponto para a Na Yoon, é pela sua imaginação nada casta! No meio de tantos acontecimentos engraçados, claro que tem aqueles que vão te fazer derreter de tanto amor, como JiHeon passando a ser carinhoso com a Eun Seol, além da declaração de amor propriamente dita. Embora Na Yoon no início tenha ficado entre JiHeon e Muwon, ela vai pender mais para o lado do Muwon mesmo e é aquele casal que deixa com um gostinho de quero mais, as cenas dos dois são muito boas de assistir.

Mais elevador…
MuWon e EunSeol no passeio

Protect the Boss tem 18 capítulos, foi exibido pela SBS nas noites de terças e quintas entre agosto e setembro de 2011, levando 10 prêmios do 2011 SBS Drama Awards, incluindo os melhor de ator e atriz em excelência, com Choi Kang Hee e JiSung; melhores novatos, com Kim JaeJoong e Wang Ji Hye e de melhor casal também com Choi Kang Hee e JiSung.

JaeJoong e JiHye

Teaser:

Teaser longo, legendado em inglês:

O box de DVDs do drama pode ser adquirido no KTown4u ou você pode baixar os capítulos aqui. (obs.: é possível que alguns links tenham expirado).

Imagens catadas por aí da internet, vídeos do Youtube!

Texto: Candy JJ

Não retire sem os créditos.

 

Anúncios

Comente! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s